COMPARTILHAR
Razer Man O' War

O Razer Man O’ War é mais um dos headsets Gaming da Razer, com um design e funcionalidades interessantes. Tem a essência da família Razer Kraken Pro, e a aparência, semelhante, da gama de Headsets Astro A50. 

A primeira vista, o Razer Man O’ War parece ser um headset gaming bastante bonito e confortável. Em termos de conforto, posso dizer que se trata de um equipamento não muito pesado, tendo 375g no total. Uma vez colocado na nossa cabeça, o Man O’ War é bastante leve. Tem ainda a vantagem de ser altamente ajustável, o que acaba por contribuir no detalhe anterior. Uma vez assente na nossa cabeça, as conchas almofadadas praticamente que não fazem qualquer tipo de pressão sobre a nossa cabeça e orelhas.

Razer Man O' War

A fita em torno da cabeça possui também um acabamento almofadado e confortável, com mais alguns detalhes nele em plástico. Para melhorar ainda mais o teu conforto com o Razer Man O’ War, a Razer desenhou as conchas almofadadas de forma a que estas rodassem em cerca de 90%. O que tem isto de positivo? Bem, quando não o estás a utilizar podes facilmente rodar as conchas de forma à que elas assentem sobre o teu peito e a volta do teu pescoço, aliviando assim a tensão do equipamento sobre o teu corpo.

Razer Man O' War

Na parte de baixo do Razer Man O’ War encontramos alguns controladores do headset gaming, como o volume, alguns LED’s indicadores de carregamento, entrada USB, microfone retrátil, etc.

O microfone é bastante flexível e podes, tal como noutros Headsets da Razer, ajustar ele facilmente para a posição que desejas e assim apanhar a tua voz da melhor maneira possível. O microfone possui ainda um botão que te permite, assim que o pressionas, silenciar a tua voz. Uma vez feito isso, aparece-te um indicativo à vermelho a indicar-te que o teu microfone está silenciado. Não é o primeiro Headset da Razer a fazer isto, mas ainda assim, é uma característica interessante de se ter e mencionar.

Razer Man O' War

Quando ao áudio, que é o que realmente interessa não é, o Razer Man O’ War consegue oferecer uma qualidade bastante sólida. Tendo em conta que, se trata de um headset gaming sem fios, a qualidade de áudio e voz não me fez questionar em momento algum, o seu desempenho. Sem interferências e barulhos esquisitos à mistura, no fundo.

Razer Man O' War

Utilizando o programa Razer Synapse 2.0 da Razer, conseguimos melhorar ainda mais o desempenho e estética do nosso Razer Man O’ War. O programa deixa-nos controlar e alterar as cores que surgem nas conchas do headset, uma característica que agrada-me imenso, como um autêntico fã de RGB. Entrando no software consegues ainda ativar o modo Razer Surround Sound 7.1. No geral, a qualidade do áudio é, tal como já disse, bastante sólida.

Sendo um headset gaming sem fios, claro, o equipamento vem equipado com uma bateria interna. A Razer diz que, a sua bateria tem a capacidade de aguentar até até 20 horas de utilização intensa, sem teres as luzes acesas, e ainda menos tempo, 14 horas, com as luzes chroma ligas.

Razer Man O' War

Na minha experiência, isso traduziu-se em 14 horas de constante gameplay com as luzes desligadas, e um pouco menos com elas ligadas. O que é realmente bastante bom, tendo em conta que se dividires essas horas todas, por vários dias, tens uma boa experiência com os headsets, antes de teres de o carregar novamente. Nada mau para um headset sem fios.

No geral, o Razer Man O’ War apresenta um desempenho, associado ao seu conforto e durabilidade, bastante sólido. A qualidade do microfone não é dos melhores que eu já experimentei, mas tal como disse aqui em cima, consegue cumprir na perfeição o seu trabalho, cancelando todos os ruídos de fundo e esforçando-se ao máximo para manter a nossa voz o mais clara o possível. E com a ajuda do software Synapse 2.0, as coisas podem sempre ser melhoradas. Para jogares com o teus amigos sem dúvida que serve na perfeição!

Razer Man O' War

Por 179 euros, o Razer Man O’ War tem o que precisas. A qualidade de áudio é dos melhores que já experimentei na gama Razer, o conforto e a ergonomia são também bastante bons, nota 10 nestes dois aspectos, no entanto, apesar de ter apontado para a aparente durabilidade e longevidade do equipamento, não se esqueçam que o Razer Man O’ War possui acabamentos em plástico. Caso sejas muito brusco com ele, talvez eles não durem muito contigo. No meu caso, isso não seria um problema.

Deixe um comentário

avatar
wpDiscuz